16 de Outubro de 2008

 
 
Faz 26 anos que faleceu
Adriano Correia de Oliveira
 
"Há sempre alguém que resiste
Há sempre alguém que diz não"
 
 

 

 

                    Tejo que levas as águas

                    correndo de par em par

                    leva a cidade de mágoas

                    leva as mágoas para o mar

 

                    lava-a de crimes espantos

                    de roubos fomes terror

                    lava a cidade de quantos

                    do ódio fingem amor

 

 

                    leva as águas as grades

                    de aço e silêncio forjadas

                    deixa soltar-se a verdade

                    das bocas amordaçadas

 

                    leva bancos empresas

                    dos comedores de dinheiro

                    que dos salários de tristeza

                    arrecadam o lucro inteiro

 

 

 

 

                    leva palácios vivendas

                    casebres bairros de lata

                    leva negócios e rendas

                    que a uns farta e a outros mata

 

                     lava avenidas de vícios

                     vielas de amores venais

                     leva albergues hospícios

                     cadeias e hospitais

 

 

                      afoga empenhos favores

                      vãs glorias ocas palmas

                      leva o poder de uns senhores

                      que compras corpos e almas

 

                      das camas de amor comprado

                      desata abraços de lodo

                      rostos corpos destroçados

                      lava-as com sal e iodo.

 

                                                   Manuel da Fonseca

publicado por subterraneodaliberdade às 19:34
Bela homenagem ao ADRIANO.



Um abraço.
fernando samuel a 18 de Outubro de 2008 às 11:58
Obrigado camarada, por nos recordares o Adriano, e o Manuel da Fonseca, nós nunca deixa-mos morrer os nossos!
Abraço
pesquisar neste blog
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
arquivos
Nota Subterrânea
Os artigos públicados da autoria de terceiros não significa que o subterrâneo concorde na integra. Significa que são merecedores de reflexão.
links
blogs SAPO